Tags

, , , ,

Back-to-the-Future-trilogyO que fez de “De Volta para o Futuro” uno clássico? Blockbusters non eram mais novidade há unos 10 anni, grazie a “Tubarão”, dirigido por Steven Spielberg, que foi o produtor do filme sobre o qual falaremos. Non era para ser una trilogia, cosa que também non era novidade, grazie a George Lucas com “Guerra nas Estrelas”. Tampouco filmes sobre viagens no tempo eram novidade, grazie principalmente a “A Máquina do Tempo” e “Um Século em 43 Minutos” que inspiraram essa obra.

A resposta está nos motes principais do filme: ver como as pessoas de oggi eram quando mais nuovas, sobreviver em una época que você non conhece (ainda mais quando você mesmo colabora para sua extinção), criar algo que viria a ser moda na sua época e reviver o mito grego de Édipo e Jocasta.

Non deve ser segredo para ninguém de onde surgiu a ideia para o filme, de tanto que o roteirista Bob Gale contou esso nas entrevistas, mas aí vai: Uno dia, vendo o livro do ano de seu pai ele pensou se seria amicco dele caso vivessem na mesma época. Dessa ideia principal surgiram os primeiros rascunhos do filme, que começou a ser escrito em 1980, depois do lançamento de “Carros Usados”, segundo filme dos Bobs (Zemeckis e Gale, roteiristas da franquia de Marty McFly), que assim como os demais foi produzido por Steven Spielberg e assim como o anterior “Febre da Juventude” non foi muito bem na bilheteria, o que fez com que o roteiro nuovo ficasse 5 anni na gaveta.

vlcsnap-2015-10-25-21h53m53s118 vlcsnap-2015-10-25-21h54m05s248 vlcsnap-2015-10-25-21h54m17s114 vlcsnap-2015-10-25-21h54m31s251 vlcsnap-2015-10-25-21h54m45s138 vlcsnap-2015-10-25-21h54m58s13 vlcsnap-2015-10-25-21h55m07s102 vlcsnap-2015-10-25-21h55m50s16O fato de “1941-Uma Guerra Muito Louca”, outro roteiro dos Bobs ter sido dirigido por Spielberg non ajudou em nada, pois este também foi uno fracasso (injustamente). Somente o sucesso de “Tudo por Esmeralda” foi suficiente para tirar o roteiro de “De Volta…” da gaveta.

No fundo no fundo, o fato de o roteiro ter ficado na gaveta só fez bem, haja vista que a ideia original era de que a máquina do tempo fosse algo parecido com UNA GELADEIRA que no clímax do filme teria que ser levada para una área de testes nucleares, ideia abandonada por dois motivos. Primeiro: medo de que os bambinni se escondessem nas geladeiras e non conseguissem sair, o que non impediu que a cena original fosse aproveitada em “Indiana Jones e o Reino da Caveira de Cristal.”

Segundo, os Bobs resolveram que a máquina deveria ser móvel para que os personagens non precisassem ter que se preocupar em estar sempre perto da máquina para poderem voltar para sua época e deveria ser uno carro “futurista” como eram os carros conceitos da época, porque encaixava-se bem no conceito de ficção científica do filme.

vlcsnap-2015-10-24-12h31m54s2 vlcsnap-2015-10-24-12h32m31s172 vlcsnap-2015-10-24-12h30m56s65O fato de ser uno DeLorean tem a ver com a piada usada assim que o carro chega em 1955, quando o mesmo é confundido com una nave espacial, afinal a porta abre para cima igual a nave da Xuxa.

vlcsnap-2015-10-24-14h44m05s134 vlcsnap-2015-10-24-14h44m26s96Otro motivo pelo qual o roteiro ficou na gaveta tanto tempo foi o fato de que a maioria dos estúdios o rejeitou por considerá-lo “pudico demais” em comparação com “Porky’s”, “O Último Americano Virgem” e otras comédias sexuais da época (vale lembrar que o próprio “Carros Usados” tinha várias cenas com mulheres de topless, inclusive una muito famosa em que o vestido una mulher era arrancado por una antena de carro, durante una transmissão ao vivo).

images (19)(1)images (21)(1)Já a Disney o achou ousado demais por conta da trama em que una mamma se apaixona pelo próprio figlio, restando apenas a Universal, depois de Spielberg voltar a dar uno voto de confiança à dupla.

vlcsnap-2015-10-24-15h11m04s194Para piorar, quase o filme fica sem seu ator principal, pois à época, Michael J. Fox era astro de “Caras e Caretas” uno seriado de sucesso nos anni 80 e chegou a passar na Globo por uno bom tempo e a produção non o liberava em tempo integral para fazer o filme, chegando ao ponto de o astro ter que trabalhar 20 horas por dia: de manhã na série e de noite no filme, o que justifica o clima dark do filme, a fim de que este pudesse ser lançado no verão americano, quando estreiam os blockbusters (estreou em 03/07/1985 uno dia antes do aniversário da independência americana).

vlcsnap-2015-10-24-15h58m08s25 vlcsnap-2015-10-24-15h59m21s251Por conta desso problema de agenda, quase que o filme teve otro astro. Eric Stoltz chegou a gravar algunas cenas como Marty McFly, porém Zemeckis, que sempre teve Fox em mente para o papel, non gostou da performance dele e regravou todas as cenas de Stoltz com Fox.

Para quem non sabe, John Lithgow tivera sido cotado para o papel de Doc Brown (além de Dudley Moore e Jeff Goldblum) e Ralph Macchio para o de Marty McFly.

DISTANT THUNDER, Ralph Macchio, John Lithgow, 1988, (c)Paramount

DISTANT THUNDER, Ralph Macchio, John Lithgow, 1988, (c)Paramount

back to the future ralph macchiodownloadUna cosa que chama a atenção no roteiro é a atenção que se dá aos detalhes, as referências e a presença curiosa de algunos atores. Por exemplo, a âncora do telejornal no começo do filme é Debora Harmon, atriz que esteve presente no otro filme dos Bobs, “Carros Usados”.

vlcsnap-2015-10-24-11h45m53s166E esso capanga do Biff Tannen com o palito na boca em 1955? É Billy Zane, que faria o papel do noivo da Rose em “Titanic”.

vlcsnap-2015-10-24-14h54m54s196E esso irmão da Lorraine? Vocês devem tê-lo conhecido como o irmão mais velho do Kevin Arnold em “Anos Incríveis”, non é?

vlcsnap-2015-10-24-15h14m35s254Vocês devem saber que o jurado que reprova a banda de Marty McFly é na verdade Huey Lewis, que colaborou com duas canções para o filme: a música de encerramento “Back In Time” (que também era usada na abertura do desenho animado) e a música principal “The Power Of Love”, indicada ao Oscar® do ano seguinte (perdeu para “Say you, say me” de Lionel Ritchie para “O Sol da Meia-Noite”).

vlcsnap-2015-10-24-11h59m56s141Otra música de sucesso sua é “Hip To Be Square” citada em “Psicopata Americano”, filme em que Christian Bale faz o papel de uno milionário maluco, chamado “Bateman” e que faz mal às pessoas ao seu redor (o conceito non me é estranho…)

O monte de relógios tocando ao mesmo tempo na garagem do Dr. Brown é inspirado em una cena de “A Máquina do Tempo” de 1960, vencedor do Oscar® de Efeitos Especiais do ano seguinte e que por sua vez é una adaptação direta do livro de H.G. Wells.

vlcsnap-2015-10-24-11h52m03s15Aliás, a lindona Claudia Wells non foi escolhida para o filme à toa, pois é bisneta do autor citado acima. Pena o câncer de sua mãe ter interrompido sua carreira e a impedido de continuar na franquia.

vlcsnap-2015-10-24-12h00m33s1Vale notar que sua personagem e Marty tinham combinado de ir para o lago no dia em que houve a viagem no tempo. Nunca é dito explicitamente o que eles iriam fazer por lá, mas a julgar pelos filmes da época e pelo letreiro do cinema que aparece na cena, dá para se ter una ideia.

vlcsnap-2015-10-24-12h21m10s34Eis que o encontro que deveria rolar em uno dia, acaba rolando mais de duas semanas depois, a julgar pelo tempo que McFly passa em 1955, 2015, 1985 alternativo, 1955 de novo, 1885 até voltar e encontrar Jennifer novamente. Imagine o esforço dele para segurar seus instintos até chegar o grande dia (ainda mais com a própria no pé, igualmente ansiosa por “diversão”).

vlcsnap-2015-10-24-12h16m38s218

“Amanhã nóis vai botá as canela pra brigá!”

A data escolhida para o desembarque em 1955 é 5 de novembro, que além de ser o dia em que Brown bate a cabeça e tem a visão do capacitor de fluxo e de ser o aniversário do pappa de Bob Gale (que afinal de contas inspirou a história toda), também é a data utilizada em “Um Século em 43 Minutos” de 1979, em que Jack, o Estripador usa a máquina do tempo de H.G. Wells para fugir para o século XX. A mocinha do filme é interpretada por Mary Steenburgen, que viria a desempenhar uno papel muito importante no 3º filme da franquia.

vlcsnap-2015-10-24-14h35m29s66Otra característica interessante da franquia é a forma como os cenários e os elementos se repetem de forma diferente no passado e no futuro criando una unidade interessante.

vlcsnap-2015-10-24-12h21m41s130 vlcsnap-2015-10-24-14h48m49s165vlcsnap-2015-10-24-15h08m31s206 vlcsnap-2015-10-24-15h09m06s27vlcsnap-2015-10-18-20h53m44s20 vlcsnap-2015-10-18-20h54m45s116Veja só, quando Marty aterrissa em 1955, o prefeito de Hill Valley, candidato à reeleição, é Red Thomas, cujo cartaz de propaganda usa o mesmo tipo de arte que seria usado pelo prefeito de 1985, o ex-garçom, Goldie Wilson.

vlcsnap-2015-10-24-14h53m04s151 vlcsnap-2015-10-24-12h01m46s204Agora vejam quem é Red Thomas em 1985:

vlcsnap-2015-10-24-17h11m17s139 vlcsnap-2015-10-24-17h11m27s236Uno sujeito que é prefeito em una época e vira o bebum da cidade 30 anni depois. Que conceito! Ainda bem que São Paulo nunca teve uno prefeito com fama de bêbado…NON! PERA!

Janio-Quadros

A diferença é que Jânio Quadros foi prefeito até janeiro de 1955 e foi reeleito em 1985

É interessante notar que a trama principal de “De Volta para o Futuro Parte II” teve origem em una fala despretensiosa do Dr. Brown, logo depois de demonstrar sua experiência com viagem no tempo.

vlcsnap-2015-10-24-14h39m47s132 vlcsnap-2015-10-24-14h39m58s230 vlcsnap-2015-10-24-14h40m17s150vlcsnap-2015-10-19-00h47m32s27 vlcsnap-2015-10-19-00h47m46s160 vlcsnap-2015-10-19-00h47m57s24 vlcsnap-2015-10-19-00h48m12s158 vlcsnap-2015-10-19-00h48m48s253 vlcsnap-2015-10-19-00h49m01s147Interessante também ver a coerência do Dr. Brown no sentido de non usar informações do futuro para tirar vantagem.

vlcsnap-2015-10-24-16h54m48s232 vlcsnap-2015-10-24-16h54m59s71 vlcsnap-2015-10-24-16h55m08s185Quer dizer, nem tanta coerência assim!

vlcsnap-2015-10-24-17h17m57s42 vlcsnap-2015-10-24-17h20m05s28E o que dizer do clima meio “filme de terror” da sequência em que o buono doutor sobe as escadarias da torre do relógio? Influência da Universal?

vlcsnap-2015-10-24-16h55m45s30 vlcsnap-2015-10-24-16h56m02s214 vlcsnap-2015-10-24-16h57m34s92 vlcsnap-2015-10-24-16h59m48s157 vlcsnap-2015-10-24-17h00m28s25 Além da indicação a Melhor Canção, o filme ganhou Oscar® de Edição de Som em 1986 (vencendo “Feitiço de Áquila” e “Rambo II”), sendo indicado também para Melhor Roteiro Original (perdendo para “A Testemunha”) e Melhor Som (perdeu para “Entre Dois Amores”, que faturou o prêmio de Melhor Filme daquele ano).

Se tem una cosa que o filme nos ensina é o valor da perseverança. Se os Bobs tivessem se deixado levar pelos fracassos dos filmes anteriores, jamais teríamos essa obra-prima. No fundo essos fracassos serviram para deixar o roteiro na gaveta até amadurecer o suficiente para ir à tona e que nos livrou de termos que idolatrar una geladeira em vez de uno DeLorean.

Cotação:

8/10 cabeças de cavalo – Melhor do que tocar Johnny B. Good na escola.

Advertisements